QUERO PODER

 Quero poder

ao cair da tarde,

através de minha janela,

 observar as crianças que passam

retornando do colégio,

alegres, felizes;

 

ver os homens que voltam

do trabalho honesto,

receberem no portão

o beijo e abraço dos seus.

 

Quero poder

MEU DEUS,

ler nos jornais matutinos

boas notícias!

 

Ligar a TV

e divertir-me

como antes.

 

Quero poder viver!

  QUERO PAZ!!!

 

Cleidiner Ventura (Anjo)    

              

São Paulo - Brasil

17.09.2003